A alga Konbu



Historicamente acredita-se que o Konbu já existia no Período Jomon (14000 - 300 a.C), mas só ouve registros em Shoku Nihongi em 797, mas somente no Período Muromachi (1338-1573)desenvolveram uma nova técnica de secagem que possibilitou a estocagem por muito mais tempo, com isso o Konbu se tornou um importante produto de exportação da região de Touhoku.


No Período Edo (1603-1868) os moradores da ilha de Hokkaido organizaram uma nova rota marítima para difundir o Konbu por todo o Japão, e através desta rota a província de Okinawa desde então passou a ser a região que mais consome Konbu no território japonês. Entretando hoje a ilha de Hokkaido representa cerca de 90% de toda a produção de Konbu. 🗾⠀⠀


Konbu é considerada a alga mais importante na culinária asiática em geral, pois ela possui uma grande quantidade de glutamato monossódico. Por isso ela é usada no caldo base da culinária japonesa, o Dashi, juntamente com o Katsuobushi, ambos ingredientes que já vimos mais explicações nos posts anteriores. ⠀

Esta alga é usada em diferentes preparos e os grupos mais conhecidos são: Hayani Konbu e Dashi Konbu; ◾


Hayani Konbu são as folhas colhidas no período de poda, essas folhas têm uma textura macia e são usadas geralmente em cozidos de cenoura e broto de bambu. 🎍🥕⠀


Dashi Konbu são as algas que foram selecionadas durante a colheita das Hanayni Konbu para chegar no tamanho ideal e se tornarem Dashi Konbu, as folhas grossas e mais escuras concentram mais o sabor que fica na superfície da alta.⠀


Também existem as seguintes algas: Ma-Konbu, Rishikiri-Konbu, Rausu-Konbu, Hidaka-Konbu, Hosome-Konbu e Naga-Konbu.⠀


Uma dica importante antes de usá-las é não lavar a alga, pois assim ela perderá seus nutrientes, se preferir passe apenas um pano úmido na superfície. 😉✍🏻

Historically it is believed that Konbu already existed in the Jomon Period (14000-300 BC), but only heard records in Shoku Nihongi in 797, but only in the Muromachi Period (1338-1573) developed a new drying technique that allowed the storage by Konbu has become a major export product in the Touhoku region.


In the Edo Period (1603-1868) the inhabitants of the island of Hokkaido organized a new sea route to spread the Konbu throughout Japan, and through this route the province of Okinawa has since become the region that consumes Konbu in Japanese territory. Meanwhile today the island of Hokkaido accounts for about 90% of all Konbu production. 🗾⠀


Konbu is considered the most important algae in Asian cuisine in general because it has a large amount of monosodium glutamate. So it is used in the base soup of the Japanese cuisine, Dashi, along with Katsuobushi, both ingredients that we have already seen more explanations in previous posts. ⠀


This algae is used in different preparations and the most known groups are: Hayani Konbu and Dashi Konbu; ◾


Hayani Konbu are the leaves harvested in the pruning period, these leaves have a soft texture and are usually used in carrot and bamboo shoots.🎍🥕⠀


Dashi Konbu are the algae that were selected during harvesting of the Hanayni Konbu to reach the ideal size and become Dashi Konbu, the thicker and darker leaves concentrate more the flavor that remains on the surface of the high.⠀


There are also the following algae: Ma-Konbu, Rishikiri-Konbu, Rausu-Konbu, Hidaka-Konbu, Hosome-Konbu and Naga-Konbu.⠀


An important tip before using them is to not wash the seaweed so that it will lose its nutrients if you prefer to only wipe a damp cloth on the surface. 😉✍🏻


🙇🏻‍♂️🍣#omakasebox#omakaseboxbrazil#konbu#umami#昆布#握り寿司#江戸前寿司#food#instafood🇧🇷🇯🇵

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
  • Facebook - Círculo Branco
  • Instagram

© Todos Direitos Reservados  Omakasebox 2020

CNPJ: 19.509.235/0001-31 | (11) 4211-5354  eder@omakasebox.com

WhatsApp_Logo_1.png